Juntou a fome com a vontade de comer…

ou o roto com o rasgado, tendo por escudeiro um garçom manquitola ou aprendiz de alfaiate…

Entendam como quiserem a aliança quase espúria que vem se formalizando, mais para manter algum certo (ou incerto) poder entre as moscas do que alterar as fezes.

O que era controle de endemias…

tentam transformar em massa e agente de manobras.

O que melhor do que cabos eleitorais que obrigatoriamente têm acesso às suas residências?

Agentes públicos têm sido motivo de disputa entre políticos caseiros e federais. Uns foram negligentes, outros são estranhos no ninho. Isso tem gerado insatisfação, mas quem tem saído nadando de braçada atualmente não exerce cargo público e quando exerceram souberam valorizar a categoria. O resto ignorou quando possuía mandato ou é pseudo líder.

Um dia após o outro

Durante a batalha para reestruturar Saúde Pública alguns poderosos órgãos de imprensa desconsideraram as informações oficiais e, alguns até por motivos pessoais e familiares, quase causaram pânico na população.

Agora, ainda que tentassem defender, o descaso com a saúde da Capital ficou tão evidente que após longo período de mandato começam, timidamente, a informar a falência provocado do SUS. Ah, sim, não podendo mais ignorar as denúncias dos usuários.

Enquanto tudo tendia para a terceirização… mortes não justificam planos políticos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s