Farinha pouca, meu deputado federal primeiro

Certamente saem fora os deputados federais Zeca do PT (provavelmente inelegível), Carlos Marun (na sola do pé do Temer), Luiz Henrique Mandetta (desistente). Devem ser reeleitos, Tereza Cristina e Geraldo Resende e na fila dos enforcados, Eliseu Dionísio. Com poucas chances, Dagoberto Nogueira e Wander Loubet.

Quem está bem na fita são Alcides Bernal (Progressistas), Beto Pereira (PSDB), Fábio Trad (PSD), Mamão (PT) (vem forte, graças à sua exposição no BBB). O restante faz parte das desagradáveis surpresas.

Geraldo Resende quer mais é ser candidato à prefeitura de Dourados em 2020; Beto Pereira não sabe, ainda, o que quer da vida; Eliseu Dionísio faz o que mandam, ainda que seja pelas grades; Dagoberto já deveria ter pendurado as chuteiras, Wander, idem – aliás, o que ele faz ou fez, mesmo?.

Eita vidinha boa que se apresenta para estes, no futuro. Ainda que se concorde, ou não, vamos dar uma olhadinha indiscreta e posição pessoal desse articulista.

Tereza Cristina vai na toada do que pretendem os pecuaristas, e tem uma enorme capacidade. Inegável.

Marun já domina uma série de departamentos, mesmo que o Temer seja defenestrado (Senhor, ouve nossas preces), manterá seu reinado e seu poder no Velho Centro-Oeste como fiel escudeiro do encarcerado.

Mandetta saiu dos holofotes para frequentar os escritórios de advocacia – na moita, sem alardes.

Wander Loubet, quem lembra dele depois da derrocada petista? Talvez se eleja. Tem os votos como os têm o Moka, já que não tem tu, vai tu mesmo.

Agora vamos falar sério…

Que coisa essa de pagar bocas podres, conhecidíssimos da imprensa marrom a trabalho dos partidos que se afundaram. De todos, tenho respeito e reverência à dra. Tania Garib, mas não consigo entender o pau mandado Junior Mochi querer evitar que o ex-prefeito Alcides Bernal conquiste os mais de 100 mil votos que obteve para senador e faça mais uma série de deputados federais e estaduais… e tentar fazer deputados enlameados do MDB, cujo presidente se encontra encarcerado, vamos falar sério, é brincadeira.

Nelsinho Trad (PSD) é uma piada mal contada para o Senado, talvez leve essa eleição, coitados de nós. Deus nos acuda, e a Justiça nos salve.

É tanta tralha junta que Reinaldo Azambuja será eleito de lavada.

Senadores? Moka porque é como Coca-Cola, não tem opção, vai você mesmo. Simone tá garantida, fugiu do encaramento… Sérgio Harfouche, aquele que obriga pais a comparecerem em reunião no melhor estilo Maduro da Venezuela, valha-me Deus… O resto é piada, e de mal gosto. E seja o que vier e der.

Não temos nada. O PT está entregue às traças, o MDB que chegou ao extremo de ser representado pelo Junior Mochi, Nossa… O PDT com Dagoberto e Odilon. Nossa outra vez.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s