Campo Grande registra superávit em empregos formais no mês de agosto

Em Campo Grande, o saldo total de empregos continua favorável, sendo 230 postos de trabalho registrados no mês de agosto. Os dados fazem parte do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged/MTE) de Campo Grande e foram analisados pelo observatório de mercado da Fundação Social do Trabalho (Funsat).

O levantamento mostra que, dentre os setores analisados, 5 (cinco) apresentaram saldo positivo, sendo eles: Comércio com 96 postos de trabalho (era o único com saldo negativo no mês anterior); na sequência, Indústria de Transformação: 78, Serviços: 71, Construção civil: 10, Administração Pública: 3, Extrativa Mineral: -2, Serviços Industriais de Utilidade Pública: -10 e Agropecuária: -16.

Somente no mês de agosto, a Fundação Social do Trabalho realizou mais de 9.700 atendimentos, sendo 617 novos cadastros. Além disso, mais de 1.213 trabalhadores foram encaminhados para entrevistas de empregos,  com 230 pessoas colocados no mercado de trabalho com carteira assinada.

Saldo Acumulado

Confira o comparativo da evolução do emprego entre o Brasil, o estado do Mato Grosso do Sul e o município de Campo Grande:

De acordo com os registros do Caged, no ano de 2018, o saldo de empregos foi de 2.481 postos de trabalho em Campo Grande, com variação percentual do emprego de 1,28%. Em Mato Grosso do Sul, o saldo foi de 9.269 postos de trabalho, com variação do emprego de 1,83%, e, no Brasil, esse número foi de 568.551 postos de trabalho e variação do emprego foi de 1,50%.

No Ranking das Capitais, com relação ao saldo de empregos registrado no ano de 2018, Campo Grande se encontra na 9ª posição, ficando a frente de capitais como João Pessoa/PB – 13ª posição e Porto Alegre/RS – 14ª posição de acordo com o Caged.

Para o diretor-presidente da Funsat, Cleiton Franco, esse resultado mostra que o mercado está reagindo e contratando, o que motiva os trabalhadores que estão em busca de uma oportunidade.

“É muito importante o resultado positivo do Caged, principalmente para os trabalhadores que estão em busca de colocação no mercado de trabalho. Logo mais estaremos no período de festas de fim de ano, quando o mercado aquece e disponibiliza mais vagas e, com certeza, nosso Caged será positivo novamente nesse período”, pontuou Franco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s