Campo-grandense ganha bolsa para Escola de Balé Bolshoi

É difícil descrever o sentimento da vitória, qualquer que seja a conquista, é receber o troféu e correr para o abraço dos seus companheiros de equipe. Agora imagina você, ainda estudante do ensino fundamental, com 12 anos de idade e modelando os sonhos para uma vida que se inicia, conseguir realizar um dos grandes objetivos que tens: ingressar na mais importante escola de dança do mundo, a Balé Bolshoi (filial brasileira do Teatro Bolshoi, da Rússia). Foi isso o que aconteceu com o campo-grandense Emanoel Júnior Nascimento Miranda, da Escola Municipal Elizabel Gomes Sales, recém-aprovado para a serie inicial do curso de dança clássica oferecido pela instituição, superando quase seis mil concorrentes de todo o país e até da Argentina.

O feito fez Emanoel ser o primeiro homem sul-mato-grossense classificado para a série inicial da Bolshoi (Confira o resultado aqui). Com a vaga, ele entra como bolsista no curso que tem duração de até oito anos. As aulas começam em fevereiro de 2019. O adolescente também irá receber uma série de benefícios, como alimentação, transporte, uniformes, figurinos, assistência social, orientação pedagógica, assistência odontológica preventiva, atendimento fisioterápico, nutricional e assistência médica de emergência pré-hospitalar.

Agora, a família de Emanoel terá que se mudar para Santa Catarina, onde está sediada a Balé Bolshoi. Para a mãe do estudante, dona Candelaria Nascimento, a principal batalha agora será o fato de ter que arrumar a vida lá fora, em uma cidade que nunca esteve antes. “Fiquei superfeliz. Esta demorando pra cair à ficha. Agora, tenho que me preparar para essa mudança de vida. Vou fazer de tudo para realizar o sonho de meu filho. Sei que não será fácil.”, comentou a orgulhosa mãe.

Quanto ao dançarino Emanoel, o garoto vive a alegria da importante conquista realizada em prol do seu principal objetivo. “Foi legal. Uma experiência nova. Lá apresentei várias coisas, como coope, abertura, sapinho, pé na cabeça, pulo e outras coisas. Teve prova de português, matemática e música. Tirei 9,5. Tenho vontade de morar lá. É muito legal a escola, porque aprenderei muitas coisas que eu não sei. É o meu sonho.”, declarou o estudante, em entrevista ao site da Prefeitura Municipal de Campo Grande.

O talento de Emanuel foi descoberto pela professora Thais Marques, que leciona a modalidade na escola municipal em que ele estuda. Por lá, o treino de dança é realizado todos os dias na própria unidade de ensino, são quatro horas por semana. A seleção para o Balé Bolshoi teve participação de estudantes de 23 estados brasileiros e até mesmo da Argentina. Além da prática artística, os candidatos ainda precisaram passar por exames médicos e fisioterápicos. A seleção aconteceu em Joinville (SC), nos dias 19, 20 e 21. Dos quase seis mil candidatos, 40 crianças foram aprovadas para a 1º série e oito adolescentes para as series mais avançadas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s