Codecon aprova projetos que devem injetar mais de R$ 21 milhões na economia de Campo Grande

O Conselho de Desenvolvimento Econômico de Campo Grande (Codecon) aprovou 5 projetos, com previsão de R$ 21,439 milhões de investimentos e criação de 74 novos empregos diretos na Capital. Todos os projetos foram aprovados por unanimidade, mas os debates foram intensos a respeito dos benefícios concedidos.

A reunião do Codecon foi presidida pelo secretário da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia (Sedesc), Abrahão Malulei Neto. “A reunião de hoje foi das mais produtivas porque conseguimos aprovar por unanimidade. Cinco projetos em diferentes áreas, cujos investimentos e criação de novos empregos serão muito significativos para o desenvolvimento empresarial de Campo Grande”, afirmou o secretário.

PROJETOS IMPORTANTES

Conselheiros presentes à reunião desta segunda-feira aprovaram os seguintes projetos:

– Laticínios Tradição de Minas – Indústria e Comércio de Produtos Lácteos – investimento previsto de R$ 5,134 milhões com criação de 17 empregos diretos; concedida doação de área de até 50 mil m² e redução do ISSQN para 3% sobre as obras de construção civil;

– R&A Comércio de Mármores e Granitos – investimento previsto de R$ 1,258 milhões com criação de 13 novos empregos diretos; foi concedida doação de área de até 20 mil m² e isenção de 30% do IPTU por 3 anos;

– Sigo Procedimentos Homeopáticos (produção e comercialização de medicamentos veterinários de natureza homeopática) – investimento de R$ 320 mil e criação de 14 novos empregos diretos, foram concedidos os seguintes benefícios: redução de 50% do IPTU por 7 anos, redução do ISSQN para 3% incidente sobre as obras de adequação das instalações.

– Centro Radiológico Campo Grande – investimento previsto de R$ 12,254 milhões com criação de 20 novos empregos diretos; foram concedidos os seguintes benefícios: redução para 3% do ISSQN incidente sobre as obras de construção civil e isenção de 80% do IPTU por 8 anos;

– G3S Comércio e Indústria de Ferro e Aço (processamento e comércio atacadista de resíduos sólidos metálicos) – investimento previsto de R$ 2,473 milhões com criação de 10 novos empregos diretos; concedida doação de área de até 26 mil m², redução da alíquota do ISSQN para 3% sobre as obras de construção civil e isenção de 50% do IPTU por 5 anos.

DIVULGAÇÃO

Foi aberto espaço para a Subsecretária de Políticas Públicas para a Mulher, Maritza Cogo, apresentar detalhes sobre o Decreto 13.248 que dispõe sobre a criação do Selo de Compromisso com a Igualdade de Gênero, a ser concedido às instituições públicas e privadas que se comprometam a adotar ações efetivas promotoras da igualdade de gênero.

Após a apresentação, os conselheiros votaram uma sugestão a ser incluída nos projetos aprovados no Codecon, para que as empresas beneficiadas pela Lei do Prodes trabalhem pela adoção de ações que revertam na obtenção do selo de compromisso com a igualdade de gênero.

Outro espaço foi aberto para Fábio Nogueira, diretor de Produção, Avaliação e Análise de Informação da Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano (Planurb), apresentar detalhes do V Seminário de Aplicação do Sistema de Informação Geográfica (SIG) na Gestão Pública Municipal, a ser realizado nos dias 21 e 22 de novembro.

Este ano ainda serão realizadas mais duas reuniões ordinárias do Codecon: 26 de novembro e 17 de dezembro. O Calendário de reuniões de 2019 também foi aprovado hoje.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s