Aumenta o número de radares em funcionamento na Capital

Após dois anos sem aplicarem multas aos motoristas que abusam da velocidade, os radares voltaram à ativa em Campo Grande. Nesta sexta-feira (04), a Agência Municipal de Trânsito (Agetran) confirmou que três equipamentos já começaram a aplicar multas na cidade, antes, eles ficaram por 15 dias operando de forma educativa.

Clinica Veterinária Animália

Os radares que começaram a multar nesta sexta-feira os infratores estão situados na Avenida Manoel da Costa Lima, 1.404, próximo a Escola Estadual Amando de Oliveira, tanto no sentido oeste-leste como no sentido leste-oeste, e o outro na Avenida Gury Marques, próximo à Rua Taboão da Serra, no sentido bairro-centro.

Além desses, desde o mês passado os equipamentos instalados na Rua Ceará, próximo ao viaduto, no sentido norte-sul; na Avenida Afonso Pena, logo após o viaduto no sentido centro-bairro; e na Avenida Gury Marques, em frente à Universidade Anhanguera, tanto no sentido centro-bairro como no sentido bairro-centro, já estavam aplicando multas.

A Capital terá três tipos de equipamentos: os radares, que fiscalizam a velocidade com limite de 50 km por hora; a lombada eletrônica, com limite de 30 km por hora, e o equipamento misto, que fiscaliza o avanço de sinal vermelho, parada sobre faixa, velocidade, conversão e até mesmo o retorno proibido.

A Agetran ressaltou que outros radares passarão por aferição nos próximos dias, devendo então permanecer em caráter educativo por 15 dias para, somente depois, operar com multas. Todos os equipamentos são sinalizados com faixas. A expectativa é que sejam instalados radares em 97 faixas de rolamento, 30 faixas no formato lombada eletrônica e outras 109 faixas do tipo misto.

Serão instaladas ainda 20 câmeras de fiscalização, central de monitoramento e sistemas de análise e inteligência de imagens veiculares e outro de processamento das imagens e infrações. A cidade ficou sem os radares devido ao rompimento do contrato entre a Prefeitura Municipal e a empresa que administrava o serviço na época. Desde o ano passado, o  Consórcio Cidade Morena é quem está como responsável pelo serviço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s