Próximo de mais uma reeleição, Ricardo Ayache completará uma década frente à Cassems

Acontece no dia 1º de março a eleição na Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul), uma das entidades mais respeitadas e bem administradas do centro-oeste e de todo o país. O atual presidente, médico cardiologista Ricardo Ayache, lidera a chapa “Inovar Sempre Para Fazer Mais”, única registrada para o pleito, tendo Ademir Cerri como 1º vice-presidente e Alexandre Junior Costa para 2º vice-presidente. O novo mandato do gestor vai até o ano de 2022. Continuar lendo “Próximo de mais uma reeleição, Ricardo Ayache completará uma década frente à Cassems”

Eleições dos bancários: sai o velho sindicalismo e entra a administração eficiente. Será?

A eleição para o Sindicato dos Bancários em Mato Grosso do Sul pode representar a mudança da velha política contra a administração eficiente. A arrogância dos que tomaram o poder escorados nos partidos políticos e nas diversas Centrais disso e daquilo pode dar oportunidade para uma nova conformação administrativa que permita mais benefícios à categoria e uma substancial perda para os companheiros. Continuar lendo “Eleições dos bancários: sai o velho sindicalismo e entra a administração eficiente. Será?”

Vai ficar mais quente ainda: termômetros podem passar de 40°C em MS

Mesmo com o calorão que já tem feito em várias cidades de Mato Grosso do Sul, a temperatura pode subir ainda mais, chegando a 40°C  em alguns municípios. Uma onda de calor, que pode elevar as temperaturas em até 5°C , vai atingir o leste, sul, sudoeste e centro norte do Estado, de acordo com a previsão do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). Continuar lendo “Vai ficar mais quente ainda: termômetros podem passar de 40°C em MS”

Assassinato: Brumadinho e Mariana, nem acidente, nem tragédia, e nós temos culpa

Não cabem explicações para o ocorrido. Cada um puxa para um lado. Alguns dizem que a responsabilidade é do governo petista de Minas Gerais, sendo que o governador, apesar de aprovar uma lei ridícula que exige a liberação da licença ambiental em até seis meses; outros dizem que a coisa vai ficar pior com a ministra Tereza Cristina andando e andando para a defesa do … Continuar lendo Assassinato: Brumadinho e Mariana, nem acidente, nem tragédia, e nós temos culpa

Energisa manda, Procon abaixa a cabeça e a população paga, se é que dá para pagar

Beira o ridículo as declarações da Energisa de que as reclamações são do país inteiro. Esdrúxula (não resta outro termo) para classificar as alegações de que o “AUMENTO” até acima de 300% nos valores da tarifa se devem ao calor excessivo – afinal, se o povo liga mais o ventilador, por outro lado se utiliza menos o chuveiro elétrico; ou será que no inverno vão retarifar pelo uso do banho? –. Continuar lendo “Energisa manda, Procon abaixa a cabeça e a população paga, se é que dá para pagar”